Dólar sobe para R$ 5,45 impulsionado por fatores internos e externos

Avalie o Post post

O mercado financeiro viveu um dia de intensa volatilidade nesta terça-feira (25), com o dólar superando novamente a marca de R$ 5,40 e a bolsa de valores encerrando uma sequência de cinco altas consecutivas com queda.

O dólar comercial fechou o dia vendido a R$ 5,453, registrando uma alta de R$ 0,063, o equivalente a 1,26%. A cotação iniciou as negociações em torno de R$ 5,41, mas ganhou força ao longo do dia, especialmente após a abertura do mercado norte-americano, encerrando próxima da máxima do dia.

No acumulado de junho, a moeda norte-americana apresenta uma valorização de 3,89%, e no ano de 2024, acumula uma alta de 12,36%.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3, fechou o dia com uma queda de 0,32%, aos 122.243 pontos. Após uma leve alta na abertura, o índice inverteu o movimento e passou a cair ainda pela manhã, encerrando o dia em território negativo.

Diversos fatores internos e externos contribuíram para a pressão sobre o mercado financeiro. No cenário doméstico, a divulgação da ata do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reforçou a intenção da instituição de manter uma postura firme no controle da inflação. Isso afastou os investidores da bolsa, que buscaram refúgio em investimentos de renda fixa, como títulos do governo, mais atrativos em momentos de juros elevados.

No entanto, a ata do Copom não foi suficiente para conter a alta do dólar. Após alguns dias de alívio, as taxas dos títulos do Tesouro norte-americano voltaram a subir, atraindo capital de países emergentes como o Brasil e pressionando a cotação da moeda.

Adicionalmente, no cenário interno, as discussões sobre medidas que aumentam os gastos públicos também geraram nervosismo no mercado. O debate em torno de renegociações da dívida dos estados e da ampliação de ajudas para o Rio Grande do Sul aumentou as preocupações sobre a sustentabilidade do novo arcabouço fiscal.

Mostre mais

# Gil Campos

Gil Campos é jornalista, publicitário e fundador/diretor do Jornal Folha de Goiás, Jornal Opinião Goiás e Agência Ideia Goiás. Fale com Gil Campos Whatsapp (62) 99822-8647 [email protected] [email protected] [email protected]

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo