Goiás Social: Caiado enfatiza compromisso com geração de renda no Feirão de Empregos

Governador Caiado Impulsiona Geração de Emprego e Renda no Feirão de Empregos do Goiás Social

O Feirão de Empregos, uma iniciativa estratégica que busca integrar políticas de distribuição de renda e fomentar o emprego como meio de emancipação, teve sua edição especial realizada em Goiânia esta semana, sob os auspícios do Goiás Social. O governador Ronaldo Caiado, durante sua visita aos estandes na quarta-feira (18/10), expressou satisfação com os resultados iniciais, que incluíram 1,3 mil encaminhamentos para entrevistas de emprego e 380 contratações efetuadas.

“Este é o nosso modus operandi: formamos profissionais qualificados em nossos Colégios Tecnológicos e, simultaneamente, proporcionamos a eles oportunidades de emprego nas empresas. As entrevistas acontecem no local, e já temos mais de mil pessoas encaminhadas”, afirmou Caiado, enfatizando que graças a esse tipo de iniciativa, Goiás é reconhecido nacionalmente como líder em competitividade e oferta de mão de obra.

O Feirão contou com a participação de mais de 70 empresas e atenderá os interessados até sexta-feira (20/10), das 8h às 17h. O Secretário da Retomada, César Moura, explicou: “Nossa expectativa é superar o desempenho do ano passado, por isso ampliamos os espaços para as empresas, oferecendo um total de 10 mil vagas de emprego”. Além das oportunidades de emprego, o evento também oferece serviços como emissão de documentos, palestras e distribuição de 10 mil cartões dos programas Mães de Goiás e Dignidade, com uma média de 3,5 mil senhas emitidas diariamente.

A Agência Goiana de Habitação (Agehab) está distribuindo 725 cartões do programa Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social. O presidente da Agehab, Alexandre Baldy, anunciou: “A Agehab em breve publicará um novo edital para Goiânia. Atualmente, cerca de 4.800 famílias na capital são beneficiadas”. Além disso, foram entregues 314 escrituras de imóveis sem custo para os contemplados, um esforço do governo para realizar o sonho da casa própria para os cidadãos.

No que diz respeito à qualificação profissional, 480 inscrições foram feitas em cursos gratuitos oferecidos pelos Colégios Tecnológicos (Cotecs), que incluem Crédito Social no valor de até R$ 5 mil para os formandos que atendam aos requisitos. Caiado destacou: “Começamos com apoio, formação, profissionalização, educação de qualidade e sensibilidade humanitária, e depois, os beneficiários estão aptos a continuar suas próprias vidas”. Além disso, a Goiás Fomento oferece financiamento, serviço procurado por mais de 400 cidadãos até o momento.

5/5 - (10 votes)

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo