INSS antecipa pagamento do décimo terceiro nesta sexta-feira

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começam a receber nesta sexta-feira (24) a segunda parcela do décimo terceiro. Até 7 de junho, mais de 33,6 milhões de segurados serão beneficiados, conforme o dígito final do Número de Inscrição Social (NIS).

O pagamento inicia pelos segurados que ganham o salário mínimo. Aqueles que recebem mais do que o mínimo começam a receber em 3 de junho.

O extrato com os valores e as datas de pagamento está disponível desde abril. A consulta pode ser feita pelo aplicativo Meu INSS, disponível para celulares e tablets, ou pelo site gov.br/meuinss.

Para quem não tem acesso à internet, a consulta pode ser feita pelo telefone 135, informando o número do CPF e confirmando alguns dados ao atendente. O atendimento está disponível de segunda a sábado, das 7h às 22h.

O decreto que antecipou o décimo terceiro foi assinado em março. Este é o quinto ano consecutivo em que os segurados do INSS recebem o benefício antes das datas tradicionais, em agosto e dezembro. Nos anos de 2020 e 2021, o pagamento foi antecipado devido à pandemia de covid-19, e em 2022 e 2023, as parcelas foram pagas em maio e junho.

O Ministério da Previdência informa que a antecipação injeta R$ 67,6 bilhões na economia, sendo R$ 33,92 bilhões referentes à segunda parcela, paga entre o fim de maio e início de junho. O restante corresponde à primeira parcela, paga no fim de abril e início de maio.

A maioria dos segurados receberá 50% do décimo terceiro na segunda parcela. Quem passou a receber o benefício depois de janeiro terá o valor calculado proporcionalmente.

Beneficiários de auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) também têm direito ao décimo terceiro, calculado de acordo com a duração do benefício. Por lei, beneficiários de programas assistenciais, como o Bolsa Família, não têm direito ao décimo terceiro salário.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo