Jornal Folha de Goiás – Bolsonaro vai interceder para amenizar tensão no PSL, diz Mourão

O vice-presidente eleito general Hamilton Mourão disse à Reuters que o presidente eleito Jair Bolsonaro vai interceder para amenizar o clima tenso que se formou no PSL após bate-boca entre integrantes do partido nos últimos dias, que o general chamou “de pequenos problemas”.

Na próxima semana, Bolsonaro deve participar de uma reunião dos parlamentares eleitos do PSL, seu partido, em que pregará a unidade dos integrantes da legenda que terá uma das maiores bancadas do futuro Congresso.

“Jair Bolsonaro fará o papel de líder (nessa situação)”, disse Mourão. As disputas ficaram mais acaloradas nos últimos dias, com direito a duras trocas de mensagens por redes sociais e públicas entre membros do PSL.

Os protagonistas do mal-estar foram a deputada federal eleita Joice Hasselman (SP) e o filho do presidente eleito Eduardo (SP), deputado federal reeleito, além do deputado federal e senador eleito Major Olímpio (SP).

Por trás dos ataques, estaria uma disputa por posições de liderança e protagonismo dentro do PSL e do futuro governo. Mourão minimizou o clima quente no partido.

“São pequenos problemas. São fáceis de resolver com liderança hábil. O Jair Bolsonaro fará”, disse ele à Reuters.

Avalie esta postagem

# Reuters

Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo