Jornal Folha de Goiás – Cidadãos com RG de Goiás serão os primeiros a acessar carteira de identidade pelo GOV.BR

Acordo entre os governos federal e do estado de Goiás permite que os dados registrados na Polícia Civil goiana comprovem a identificação de quem solicita serviços

Os cidadãos registrados em Goiás serão os primeiros do país a ter a carteira de identidade no GOV.BR, além de acessar os mais de 3,5 mil serviços do governo federal disponíveis digitalmente na plataforma. Um acordo de cooperação técnica entre o Ministério da Economia e as secretarias estaduais de Segurança Pública (SSP-GO) e de Desenvolvimento e Inovação (SEDI-GO) do estado permite essa integração da base do RG com o GOV.BR. Na prática, as pessoas poderão acessar seus dados registrados na Polícia civil goiana e comprovar sua identificação, de forma inequívoca, para solicitar serviços públicos ou privados.

acordo nº 247/2021 foi publicado nesta sexta-feira (24/12) no Diário Oficial da União. Ambos os entes federados se comprometem a empreender esforços para implementar a identificação em formato digital no GOV.BR e o acesso às interfaces de programação de aplicativos, com validações biográficas e biométricas, para a prestação de serviços públicos em Goiás em consonância com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). A novidade deve começar a ser acessada pela população em algumas semanas no aplicativo GOV.BR. [https://www.gov.br/governodigital/pt-br/assinatura-eletronica/baixar-app-govbr].

“O GOV.BR aprimora o relacionamento com o cidadão por meio do digital, desburocratizando o Estado e modernizando de vez a administração pública”, ressalta o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Caio Mario Paes de Andrade. “Com as etapas que já trilhamos na transformação digital do governo brasileiro, agora podemos avançar na identificação segura da população, de forma ágil e fácil. É um dos serviços mais importantes que temos a entregar sob a ótica não só do cidadão, mas do poder público e da iniciativa privada.”

RG em Goiás e o GOV.BR

O acordo de cooperação técnica é válido por cinco anos. A emissão do RG continua sendo realizada pela Secretaria de Segurança Pública de Goiás. Tanto quem já tinha RG quanto quem está tirando agora poderá utilizar o GOV.BR para acessá-lo. No aplicativo GOV.BR, constará no espaço reservado a carteiras, onde já existem, por exemplo, o CPF e a Carteira Digital de Trânsito, além de documentos do Exército e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), caso o usuário tenha.

Goiás e os serviços integrados ao GOV.BR

Goiás também já tem seu sistema integrado ao GOV.BR, o que permite ao cidadão acessar quaisquer serviços estaduais digitalizados também pela plataforma do governo federal, com um único login e uma única senha. Ou seja, usando o login e a senha com que acessa serviços do governo federal, como a Carteira de Trabalho Digital e a prova de vida do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), por exemplo, o usuário também pode acessar 90 dos serviços estaduais – como o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), os de saneamento básico em nível estadual, os do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-GO) e os de agrodefesa de Goiás, entre outros.

GOV.BR tem 119 milhões de usuários

Plataforma e marca da transformação digital do governo brasileiro, o GOV.BR já tem 119 milhões de pessoas cadastradas – mais da metade da população do país. Entre os principais serviços digitalizados disponíveis no GOV.BR estão alguns de impacto massivo entre a população. No último mês, os mais acessados foram: Consultar CPF, Sacar o Abono Salarial, Obter o Certificado Nacional de Vacinação, a Carteira de Trabalho e o Passaporte.

Hoje 73% dos 4,9 mil serviços públicos do governo federal estão digitalizados. A meta é atingir os 100% até o final do próximo ano.

“Hoje usamos o GOV.BR para tudo – recolhimento de Imposto de Renda, inscrição no INSS, consulta do CPF”, observa a microempresária do ramo de vestuário Stefany Isaac, 27 anos, de Goiânia. “Dentro do GOV.BR , o que mais me facilitou até agora foi ter ali a Carteira Digital de Trânsito, porque a minha sempre sumia. Hoje, se parar numa blitz, não dá problema algum se você esqueceu a carteira em papel. “Sentimos mais confiança em usar os serviços digitais que são do governo.”

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
error: O conteúdo está protegido!