Jornal Folha de Goiás – Jovens atendidos pelo Governo de Goiás expõem looks na Amarê Fashion

Beneficiários do Centro da Juventude Tecendo o Futuro, que fazem oficina de Corte e Costura, foram convidados a produzir e expor quatro looks na Semana de Moda Goiana

Quatorze adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social atendidos pelo Governo do Estado, por meio da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), foram convidados a produzir e expor quatro looks na Semana de Moda Goiana, a Amarê Fashion, no Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Goiânia. Os jovens são beneficiários do Centro da Juventude Tecendo o Futuro e fazem parte da oficina de Corte e Costura oferecida na unidade, por meio do Goiás Social.

“É uma alegria muito grande ver esses meninos e meninas brilhando ao apresentar as produções para grandes nomes da moda. Quando o Centro da Juventude foi inaugurado, a promessa do governo Caiado era justamente essa: mudar para melhor a realidade de quem passasse por ali. Meu sentimento hoje é de realização por ver onde eles estão chegando”, afirmou a presidente de honra da OVG e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado. Além de ter as peças expostas, os adolescentes e jovens também tiveram a oportunidade de visitar a Semana de Moda Goiana e conversar com outras pessoas sobre suas experiências.

Para Igor Martins, de 18 anos, é um sonho realizado. “Nunca imaginei um dia estar aqui, ainda mais como um estilista. Acho que já posso dizer isso, que sou estilista, porque tive a oportunidade de concluir a oficina de Corte e Costura e, agora, estou expondo na Amarê. Isso é um sonho para qualquer pessoa que quer se especializar no mundo da moda. Um sonho que o Governo de Goiás e a OVG me ajudaram a realizar”. As peças, criadas exclusivamente para a Semana de Moda Goiana, estão expostas no estande do Estado e trazem como tema “Sustentabilidade e Futuro”. Elas foram pensadas e desenvolvidas pelos jovens, desde a criação do croqui até a fase de confecção.

Milla Oliveira, 15 anos, além de criadora, também foi modelo do look desenvolvido por seu grupo. De acordo com ela, o que está vivendo agora jamais será esquecido. “As peças que desenvolvemos têm uma história, um contexto. Não é simplesmente uma roupa, é o resultado de tudo o que aprendemos. Tenho plena certeza que desenvolver a ideia do look, confeccionar as peças e expor aqui na Amarê mudou a minha trajetória, porque abriu meus horizontes e me mostrou que com esforço, eu posso ainda mais”.

Entre os adolescentes e jovens da Oficina de Corte e Costura do Centro da Juventude Tecendo o Futuro que expõem suas criações na Amarê, estão: Igor Martins (18 anos), autor do look “Coração Doravante”; Milla Oliveira (15 anos), autora do look “Vivienne – homenagem a Vivienne Westwood”; Maria Luisa Bisinotto (16 anos), autora do look “AmarEternidade” e Tiago Pires (22 anos), autor do look “Anamar Mar Gracioso”.

Garantia de direitos

O Centro da Juventude Tecendo o Futuro atende uma média mensal de 791 jovens em situação de vulnerabilidade social. A iniciativa promove a garantia de direitos, oportunidades de formação, participação cidadã, capacitação profissional e acesso ao mundo do trabalho, além de participação gratuita em atividades esportivas, culturais e recreativas no contraturno escolar, o que assegura o aproveitamento do tempo de forma saudável.

 

Organização das Voluntárias de Goiás – Governo de Goiás

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo