Jornal Folha de Goiás – Painel debate inovação no ramo da indústria farmacêutica no Brasil

Secretário especial do Ministério da Economia Carlos Da Costa apresentou o trabalho desenvolvido pelo governo para estimular a competitividade

O secretário especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME), Carlos Da Costa, participou, nesta quarta (22/9), de uma videoconferência sobre políticas que impactam a inovação da indústria farmacêutica no país. Promovido pela Pharmaceutical Research

and Manufacturers of America (PhRMA), o evento contou com membros da indústria nacional e internacional, representantes de diversos países e outras instituições. 

Durante o painel, foram apresentadas as atividades e as inovações realizadas pelo setor no Brasil, durante o ano de 2021, bem como discutido o acesso a diversos fármacos em meio aos desafios impostos pela pandemia da Covid-19. O secretário Carlos Da Costa apresentou o trabalho que vem sendo feito em relação ao acesso a medicamentos inovadores, à propriedade intelectual e às recentes mudanças no sistema de propriedade intelectual brasileiro. Também foram citados os êxitos da indústria farmacêutica e os avanços no acesso a medicamentos no país.  

“Estamos buscando mais liberdade para empreender”, disse Da Costa. “Temos trabalhado arduamente para reconstruir a confiança das empresas no país. Por meio da competitividade e do estímulo à inovação teremos mais liberdade no ambiente de negócios.” 

O secretário ainda destacou as reformas estruturantes como um dos pilares fundamentais para a atração de investimentos estrangeiros no país, a retomada do crescimento econômico em conjunto com a geração de emprego e renda. 

A PhRMA representa as principais empresas inovadoras de pesquisa biofarmacêutica do país, que já investiram mais de US$ 900 bilhões, desde o ano 2000, na busca de novos tratamentos e curas, incluindo cerca de US$ 79,6 bilhões somente em 2018. 

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
error: Content is protected !!