Jornal Folha de Goiás – Prefeitura de Goiânia lança Central do IPTU, que inicia atendimentos presenciais nesta segunda-feira

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin), inicia, nesta segunda-feira (10/04), a partir das 8h, no hall de convivência do Paço Municipal, os atendimentos presenciais da Central do IPTU. Esta é a primeira vez que o contribuinte goianiense conta com uma unidade específica para tirar dúvidas e receber orientações a respeito do tributo.

Os atendimentos da Central do IPTU tiveram início no dia 4 de março, via aplicativo de mensagens, WhatsApp. Agora, além do contato virtual, o cidadão terá disponível uma unidade física, onde poderá fazer consultas diretamente com servidores técnicos da Sefin. A Central do IPTU, virtual e presencial, funciona de segunda-feira a sexta-feira, exceto feriados, das 8h às 17h, sem agendamento prévio, até o dia 03 de maio.

Por WhatsApp, o contribuinte pode tirar dúvidas gerais, tais como: os meios de acessar o portal, diferença entre IPTU e ITU, explicações sobre alíquotas, formas de pagamentos, dentre outros. Por segurança e em respeito à Lei Geral de Proteção de Dados (LGDP), a Central do IPTU via WhatsApp não faz consulta a dados sigilosos, como número de inscrição municipal e valores.

Já no atendimento presencial, o cidadão poderá calcular, juntamente com um técnico da Sefin e com base em suas informações cadastrais, a composição do seu IPTU, ter ajuda para a emissão de boletos ou realizar pagamentos via cartões e PIX, consultar o número de inscrição municipal, e checar os documentos necessários para abertura do processo de revisão ou atualização cadastral.

“A Central do IPTU é um importante e inovador instrumento de aproximação da população, além de ser mais uma etapa do processo de humanização da gestão, realizado pelo prefeito Rogério Cruz”, avalia o secretário Municipal de Finanças, Vinícius Henrique Alves. “Iniciamos os trabalhos como um projeto pioneiro. É a primeira vez, na história da capital, que o cidadão conta com uma unidade específica. A experiência com o atendimento, esse contato próximo ao cidadão, contribuirá para melhorias nos próximos anos”, destaca.

 

Central do IPTU virtual

Em apenas dois dias de atendimento – terça-feira (04/04) e quarta-feira (05/04) – a central registrou quase 250 atendimentos finalizados, por WhatsApp. Entre as principais dúvidas dos contribuintes estão: IPTU Social; diferença de alíquotas de IPTU e ITU; mudança de alíquota residencial para comercial; formas de pagamento; como quitar por cartões e PIX; acesso ao site para consultar o tributo e emitir boleto.

Para o secretário de Finanças, o alto volume de contatos realizados, já nos primeiros dias de lançamento do IPTU, demonstra que o contribuinte quer entender melhor seu imposto, quitar o débito e contribuir com a gestão da capital.

“Entendemos que o cidadão quer participar, fazer parte do processo. Por isso, acreditamos que a Central do IPTU seja um divisor de águas para que a população entenda melhor a importância da sua contribuição para que as melhorias, como recapeamento asfáltico, construção de Cmeis, iluminação pública, sinalização e tantas outras, cheguem até ela. Esse é um importante passo da gestão de Rogério Cruz”, finaliza.

Os atendimentos via WhatsApp são feitos por meio dos telefones (62) 3524-3352, 3524-3375, 3524-3383.

 

Secretaria Municipal de Finanças – Prefeitura de Goiânia

 

Fonte: Prefeitura de Goiânia.

5/5 - (1 vote)

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo