BrasilDestaqueEconomiaManchetes

Jornal Folha de Goiás – PREVBarcos do INSS retomam as atividades no Amazonas e no Pará

Entre os serviços disponibilizados à população da região Norte estão aposentadorias, pensões, auxílios, salário-maternidade e seguro-defeso

As Unidades Móveis Flutuantes do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), os PREVBarcos, retomam o ciclo de navegações na próxima semana. O atendimento presencial no PREVBarco oferece benefícios previdenciários rurais e urbanos, como aposentadoria, pensões, auxílios, salário-maternidade, além do Benefícios de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social (BPC), do seguro-defeso, atualização de benefícios, informações e orientações em geral.

O PREVBarco Manaus 1 partirá para missão pela calha do Rio Solimões na madrugada da próxima segunda-feira (3/8) com previsão de término dos trabalhos em dezembro deste ano. Os atendimentos serão realizados em nove cidades do Amazonas: Alvarães, Uarini, São Paulo de Olivença, Amaturá, Santo Antônio do Içá, Tonantins, Jutaí, Fonte Boa e Codajás.

Já na segunda-feira o PREVBarco Manaus 2 chega à cidade de Humaitá, o primeiro dos nove municípios da missão na calha do Rio Madeira, seguido por Manicoré, Novo Aripuanã, Borba, Nova Olinda do Norte, Autazes, São Sebastião do Uatumã, Urucará e finalizando a missão no município Careiro da Várzea.

Já o PREVBarco Pará – 2 Santarém retoma o ciclo do oeste paraense, inicialmente no município de Óbidos, no período de 3 a 7 de agosto. Depois a embarcação segue para Oriximiná, onde realizará atendimentos de 10 a 14 de agosto. O terceiro destino do barco será Prainha, que recebe os serviços do INSS entre os dias 17 e 21 de agosto. E, por fim, de 24 a 26 de agosto, o barco conclui o ciclo de viagem de atendimento em Santa Maria do Uruará.

Medidas de proteção

Para garantir os atendimentos dos PREVBarcos, o INSS organizou um protocolo de proteção e afastamento de servidores e segurados para evitar o contágio da Covid-19. Foram instalados anteparos de acrílico nos guichês de atendimento e nas mesas dos peritos médicos e os servidores receberão equipamentos de proteção individual, como máscaras, aventais e luvas descartáveis.

Todos os ambientes de atendimento serão higienizados duas vezes ao dia. Nesses locais e nas mesas dos servidores, haverá também recipientes para o uso de álcool em gel. A área de atendimento ao público dentro do barco foi fechada e, por isso, os segurados aguardarão em tendas ou espaços externos e abertos, do lado de fora da embarcação, onde ficarão sentados em cadeiras distanciadas umas das outras.

Tags
Mostre mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar