BrasíliaDestaqueDistrito FederalFolha de GoiásGoiâniaGoiásJornal de GoiâniaJornal de GoiásManchetesNotícias de GoiâniaNotícias de Goiás

Polícia Federal de Brasília prende cinco pessoas e faz apreensão de maior carregamento de maconha em Goiás

A operação foi feita pela Polícia Federal do Distrito Federal, que "supõe ser a maior apreensão de maconha em 2017". As investigações começaram em setembro segundo fonte. E até então, a Polícia Federal começou a monitorar os suspeitos.

Nesta segunda-feira (13/11), a Polícia Federal fez apreensão de um carregamento de maconha em Posselândia, distrito de Guapó, na região metropolitana de Goiânia.

A droga estava dentro de um caminhão, escondida em placas de grama. A carga está sendo pesada, mas, segundo informações do delegado Kel Lúcio Souza, responsável pela ação, a suspeita é que a quantia é de aproximadamente 5 toneladas. Foram detidas cinco pessoas.

A operação foi feita pela Polícia Federal do Distrito Federal, que “supõe ser a maior apreensão de maconha em 2017”. As investigações começaram em setembro segundo fonte. E até então, a Polícia Federal começou a monitorar os suspeitos.

A polícia suspeita que a maconha tenha vindo do Paraguai, para ser entregue no Distrito Federal  e seria distribuída em outras cidades.

Goiás: Jovem é preso por matar sua esposa e enterrar seu corpo em fossa em Anápolis

Proprietário de um ferro velho é assassinado a tiros o setor Vila Mauá, em Goiânia

O valor em médio do litro de gasolina em Goiânia é de R $ 4.435, sendo assim o mais caro entre as capitais do Brasil

Centenas de manifestantes protestaram em Goiânia contra as reformas da Previdência e Trabalhista

Avião de pequeno porte cai na cidade de Goiás – Todos sobreviveram

Tags: Brasília, Distrito Federal, Goiás, Goiânia, Jornal de Goiás, Jornal de Goiânia, Notícias de Goiás, Notícias de Goiânia, Folha de Goiás, Manchetes

Polícia Federal de Brasília prende cinco pessoas e faz apreensão de maior carregamento de maconha em Goiás
5 (100%) 2 votes
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close