DestaqueManchetesMundo

Primeiro-ministro palestino ameaça ação legal contra empresas em relatório da ONU

O primeiro-ministro palestino, Mohammed Shtayyeh, ameaçou nesta quarta-feira tomar medidas legais internacionais contra empresas mencionadas em um relatório das Nações Unidas sobre empresas que dizem ter ligações com assentamentos israelenses na Cisjordânia ocupada.

“Exigimos que as empresas fechem imediatamente sua sede e filiais dentro de assentamentos ilegais de Israel porque sua presença contradiz as resoluções internacionais e da ONU”, disse Shtayyeh em um post em sua página no Facebook.

“Buscaremos empresas listadas no relatório legalmente por meio de instituições jurídicas internacionais e em tribunais de seus países por participarem de violações dos direitos humanos na Palestina”.

Shtayyeh disse que os palestinos também “exigiriam compensação” pelo que ele chamou de “o uso ilegal de nossas terras ocupadas”.

Tags
Mostre mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar