ANÚNCIO

Anvisa alerta: 28% dos alimentos industrializados excedem limite de sódio

Um recente relatório da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) trouxe à tona uma preocupante constatação: quase um terço dos produtos industrializados monitorados nos anos de 2020 e 2021 não alcançaram as metas de redução de sódio estabelecidas. As categorias sob maior destaque por sua não conformidade incluem biscoito salgado, bolos prontos sem recheio, hambúrgueres e pães de forma, entre outros.

Embora algumas categorias tenham mostrado progresso encorajador, como os biscoitos doces tipo maria e maisena, o relatório indica uma disparidade significativa entre diferentes tipos de alimentos. A Anvisa enfatiza a necessidade de abordagens específicas para cada categoria, evidenciando a complexidade do desafio em reduzir o sódio na indústria alimentícia.

Além disso, a análise revela dificuldades e avanços no monitoramento do sódio em produtos como caldos em pó, temperos e outros condimentos. No entanto, é preocupante observar que o Brasil enfrenta obstáculos consideráveis em comparação com outros países latino-americanos e caribenhos no que diz respeito à adesão às metas de redução do consumo de sódio.

A Anvisa ressalta a importância de reavaliar e aprimorar as estratégias existentes, destacando a necessidade de colaboração entre reguladores, indústria alimentícia e sociedade civil para promover hábitos alimentares mais saudáveis.

Quanto ao teor de açúcares em alimentos industrializados, outro ponto de preocupação, o relatório indica que a maioria das categorias está dentro dos limites definidos. No entanto, biscoitos doces sem recheio e biscoitos tipo wafers mostraram-se em desacordo com as metas estabelecidas.

Nesse contexto, a Anvisa reforça a importância de políticas públicas eficazes e estratégias educativas para reduzir o consumo de açúcares e promover uma alimentação saudável. A colaboração entre entidades reguladoras e a indústria alimentícia é fundamental para proteger a saúde pública e prevenir doenças crônicas não transmissíveis.

O monitoramento rigoroso realizado pela Anvisa e pelas vigilâncias sanitárias estaduais, municipais e do Distrito Federal é crucial para garantir a conformidade dos alimentos disponíveis no mercado. Esta iniciativa visa proteger os consumidores e promover um ambiente alimentar mais saudável para todos.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo