ANÚNCIO

Estado de Goiás realiza sonho da casa própria para 50 famílias em São João D’Aliança sem custos

Em um ato marcante realizado na última quarta-feira, 21 de fevereiro, o Estado de Goiás foi cenário de uma grande celebração para 50 famílias da cidade de São João D’Aliança. Essas famílias foram agraciadas com a entrega de chaves de suas novas casas, sem qualquer ônus financeiro, graças ao programa “Pra Ter Onde Morar – Construção”. Esta iniciativa é um esforço conjunto da Agência Goiana de Habitação (Agehab) e da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra), visando mitigar a desigualdade habitacional na região.

Uma das beneficiadas, Daiane Sales Faria, expressou sua alegria e alívio ao receber as chaves de sua nova residência, um lar para ela e seus três filhos. “É uma mudança de vida, um sonho que se torna realidade”, disse ela, visivelmente emocionada.

Pedro Sales, secretário de Estado da Infraestrutura, enfatizou a importância de levar assistência a todas as regiões, especialmente às mais carentes, como parte dos esforços do governo em promover a igualdade regional. “Celebramos hoje não apenas a entrega de moradias, mas a realização dos sonhos de 50 famílias”, afirmou ele.

O investimento do governo estadual nesse projeto alcançou a marca de R$ 6 milhões, destinados à construção de casas que não só atendem à demanda geral, mas também consideram necessidades específicas, como habitações para idosos, pessoas com deficiência e mulheres em situação de violência doméstica. Cada casa, projetada para acomodar confortavelmente uma família, inclui dois quartos, banheiro, cozinha, sala, área de serviço e um quintal.

Alexandre Baldy, presidente da Agehab, destacou a dedicação do governo em proporcionar moradias dignas, financiadas integralmente com recursos locais, a quem mais precisa. “Nosso compromisso é tornar o sonho da casa própria uma realidade acessível”, enfatizou.

A prefeita de São João D’Aliança, Débora Barros, reconheceu a importância da colaboração entre o município e o estado, que foi fundamental para a realização desse projeto. “Essas casas representam um avanço significativo para o bem-estar e desenvolvimento socioeconômico de nossa comunidade”, comentou.

No ano de 2023, o governo estadual entregou mais de mil casas em 26 municípios, com um investimento total de R$ 192 milhões, e atualmente, mais de quatro mil residências estão sendo construídas sob a mesma modalidade.

Para participar do programa e ter a chance de receber uma moradia sem custos, os candidatos devem atender a critérios específicos, como não possuir imóveis, não ter sido beneficiado anteriormente por programas habitacionais, ser maior de idade ou emancipado, residir no município há pelo menos três anos e estar inscrito no CadÚnico.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo