Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol) precisa urgentemente de doações de sangue tipo o negativo

Avalie o Post post

O Banco de Sangue do Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), uma unidade do Governo de Goiás, enfrenta uma situação crítica de estoque de sangue do tipo O negativo e faz um apelo urgente à comunidade neste período de fim de ano.

A necessidade de doações é vital, uma vez que o sangue O negativo é essencial para atender aos casos de emergência que chegam ao hospital, especialmente durante as festas de fim de ano, quando os acidentes de trânsito tendem a aumentar. Wilson Moreira, Supervisor do Banco de Sangue do Hugol, destacou a importância desse tipo sanguíneo: “Por sermos referência no atendimento de urgência e emergência, recebemos vários casos graves de acidentes de trânsito e muitos necessitam de sangue imediatamente, antes mesmo de fazer a tipagem sanguínea. Nesses casos, utilizamos o O negativo, pois ele é compatível com todos os outros tipos sanguíneos.”

É importante ressaltar que a doação de sangue é um ato de solidariedade que não apresenta riscos para o doador. O processo de triagem é rigoroso, e apenas pessoas em boas condições de saúde são aceitas como doadoras. Todo o material utilizado é descartável, garantindo a segurança do procedimento.

Para doar sangue, é necessário atender a alguns critérios de elegibilidade, incluindo estar saudável, não estar gripado, resfriado ou febril, pesar mais de 50 quilos, ter entre 18 e 69 anos, estar bem descansado e alimentado (evitando alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação) e não ter feito tatuagens, piercings ou maquiagem definitiva nos últimos 12 meses. Além disso, não é permitido ter realizado procedimentos endoscópicos nos últimos seis meses e não estar em uso de antibióticos ou antifúngicos. Para doadores, é crucial não apresentar evidência clínica ou laboratorial de doenças infecciosas transmitidas pelo sangue, como Sífilis, Hepatite B ou C, Hepatite A (após os 11 anos), HIV, HTLV, ou Doença de Chagas. Também é necessário não ter comportamentos de risco para doenças sexualmente transmissíveis e não ter consumido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação.

O Banco de Sangue do Hugol está aberto para receber doações de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h30, e aos sábados, das 7h às 12h, com exceção do dia 1º de janeiro, quando estará fechado. As atividades retornam ao normal na terça-feira, dia 2 de janeiro.

Se você deseja ajudar, entre em contato com a Unidade de Coleta e Transfusão do Hugol pelos números (62) 3270-6662 ou pelo WhatsApp (62) 3270-6661 para obter mais informações ou esclarecer dúvidas sobre o processo de doação de sangue. Sua contribuição pode salvar vidas neste momento crítico.

Mostre mais

Jornalista Samira Jorge

Samira Helene Brito Jorge é jornalista e editora-geral do jornal Folha de Goiás desde 2012. E-mail: [email protected]

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo