Secretaria do Estado da Administração beneficia OVG com 300 latas de suplemento alimentar

Avalie o Post post

A doação singular vem de uma decisão inovadora da Sead de aproveitar um terreno estadual desocupado. Em vez de alugar o espaço para um evento de fim de ano e receber um valor monetário, a Secretaria optou por converter o potencial aluguel em doações vitais, exemplificando uma abordagem socialmente responsável da administração pública.

O representante da Sead, Rogério Carneiro, enfatizou o papel fundamental das ações sociais no setor público. “A escolha de trocar receita financeira por doações reflete nosso compromisso com o bem-estar social”, disse Carneiro. Além das latas de fórmula infantil, Sead anunciou que, em janeiro, doará cinco mil quilos de alimentos à OVG, estendendo ainda mais seu alcance de apoio à comunidade.

O suplemento, crucial para a nutrição de bebês e crianças, tem um custo médio de R$ 70 por lata, representando um desafio financeiro para muitas famílias em situação de vulnerabilidade social. “Essa ajuda é vital para prevenir problemas graves de saúde, como desnutrição”, explicou Gracinha Caiado, presidente de honra da OVG.

Essa parceria única entre Sead e a iniciativa privada serve como um modelo inspirador para futuras colaborações. A primeira-dama de Goiás, Gracinha Caiido, salientou a importância dessas doações espontâneas e o impacto que podem ter no atendimento a mais famílias necessitadas.

A iniciativa da Sead destaca a importância da colaboração entre os setores público e privado em ações de responsabilidade social. Ao priorizar as necessidades das famílias vulneráveis, a Secretaria não apenas fornece recursos essenciais, mas também estabelece um exemplo de empatia e eficácia no serviço público.

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo