Aumento expressivo de empresas no Estado de Goiás impulsionado por iniciativas governamentais

Avalie o Post post

O Estado de Goiás tem se destacado no cenário empresarial em 2023, registrando um índice recorde de abertura de novas empresas. Com um total de 31.413 negócios iniciados de janeiro a novembro deste ano, o estado está a um passo de superar sua própria marca histórica, estabelecida em 2021, com 33.082 constituições empresariais.

Esse feito impressionante é atribuído às oportunidades geradas pelo Governo de Goiás para empreendedores. Iniciativas como cursos de qualificação profissional, acesso facilitado a crédito e a iniciativa de digitalização e desburocratização dos procedimentos na Junta Comercial de Goiás (Juceg) têm desempenhado um papel crucial nesse cenário.

Os dados mais recentes divulgados pela Juceg revelam que, somente em novembro, 2.609 novas empresas foram estabelecidas, consolidando a tendência de crescimento constante. O presidente da Juceg, Euclides Barbo Siqueira, expressou confiança em superar a marca histórica, faltando apenas 1.669 empresas para atingir esse marco.

“Estamos às vésperas de alcançar um novo patamar para Goiás”, enfatizou Siqueira. Ele atribui esse sucesso à colaboração entre o Governo, que criou oportunidades, e a resposta positiva da população, que empreendeu em larga escala.

Com um total de 1.101.629 empresas operando em seus municípios, Goiás revela um mapa diversificado de negócios, demonstrando que o empreendedorismo está disseminado por toda a região. Enquanto a região metropolitana lidera em números absolutos, o Entorno do Distrito Federal e a Região Sul também apresentam um notável número de negócios ativos.

No ranking das cidades com maior atividade empresarial, Goiânia desponta em primeiro lugar, seguida por Aparecida de Goiânia, Anápolis, Rio Verde e outras, formando o top 15 de Goiás.

Os setores que mais abriram portas em novembro foram os serviços combinados de escritório e apoio administrativo, atividades de consultoria em gestão empresarial, comércio varejista de bebidas, treinamento em desenvolvimento profissional e preparação de documentos e serviços especializados de apoio administrativo.

Além disso, Goiás se destaca no contexto regional, liderando o ranking de abertura de novos negócios nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Dados do governo federal, disponibilizados pelo Portal da Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas (Redesim), mostram que o estado foi o mais prolífico em novas iniciativas empresariais, seguido pelo Ceará e por Mato Grosso.

A eficiência do processo de abertura de empresas em Goiás é evidenciada pelo tempo médio de conclusão, que fica em 18 horas, inferior à média nacional de 1 dia e 5 horas. Esse ambiente favorável tem contribuído significativamente para o crescimento contínuo do empreendedorismo no estado.

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo